O coaching pode alavancar sua carreira

Você já teve a sensação de estar estagnado na carreira, de parecer que as coisas não estão acontecendo ou até mesmo, será que o que faço, a minha profissão é está condizente com minha missão, com meus valores, com minhas aspirações?

Para estas questões, independente de qual estágio que você esteja na carreira, o Coach, profissional que conduz um processo de coaching, pode auxiliar a encontrar o melhor caminho.

Imagine que você entra numa empresa, ainda muito jovem, para ser estagiário, ou já trainee, e que, em determinados momentos, tem a sensação de que algo está errado, mas não sabe exatamente o que é.

Um processo de coaching, que, em resumo, é um processo, com início, meio e fim, que utiliza algumas ferramentas especialmente selecionadas e comprovadas cientificamente, para levar o cliente (coachee), do estado atual para o estado desejado, além de ser uma parceria muito grande entre ambos, coach e coachee, busca ampliar a visão através de questionamentos e de uma dinâmica de descobertas,  para que aja reflexão e se encontre as próprias respostas e os caminhos a serem seguidos.

Para a maioria dos profissionais que passam por processo de coaching, há grandes descobertas e autoconhecimento, bem como de suas habilidades e de suas capacidades.

Desde o inicio, onde é feito um assessment, seja com qual ferramenta utilizada, DISC, MBTI, Perfil Profissional, já se tem um panorama de alguns itens a serem melhorados e trabalhados durante o processo e após a conclusão, sejam habilidades técnicas, interpessoais, entre outras, o processo de coaching fornece uma visão clara de autoconhecimento, trazendo a responsabilidade da carreira ao próprio coachee, independente da sua atividade e momento, pois grandes profissionais, são grandes por terem a certeza de que é preciso sempre se autodesenvolver.

O processo de coaching está de longe de ser a solução para todos os problemas, bem como ser algo mágico. É uma construção, uma parceria que tem que ser levada muito a sério para que o resultado seja conquistado, e, deve-se sempre ter em mente que um pequeno passo dado em direção a mudança de atitude, já terá um resultado efetivo na vida profissional do coachee.

“O coach não é um solucionador de problemas, um professor, um conselheiro, um instrutor ou mesmo um especialista: é uma caixa de ressonância, um facilitador, um conselheiro, um formador da consciência.” – John Whitmore

Uma carreira motiva por valores, seus valores, não de forma egoísta, mas de forma a que se encaixem nos valores coletivos, é o que as empresas precisam. Assim se pode aplicar estes valores da melhor maneira possível.

Eis ai onde entra novamente o coaching, através do processo, se chega ao encontro de valores, de missão, de pontos fracos e fortes, de ameaças e oportunidades que nem sempre são percebidas, pois justamente não é praxe pararmos para ter este tempo para autoanálise, documentação de quem realmente somos, de nosso propósito maior, apenas vamos andando.

Coaching como modo de ser

Não é só uma técnica a ser executada e de forma rígida aplicada a um cliente, ou à um grupo, mas sim, para o bom uso, o coaching se torna na vida do profissional, um modo de gerir sua carreira, um modo de ser, que o ajuda também como pessoa. Pois é um modo de estabelecer um modo organizado, planejado e de performance para sua carreira, é uma forma de tratar bem as pessoas ao seu entorno, sejam os subordinados, superiores, familiares e amigos, ou seja, uma maneira de pensar, um modo de ser e agir.

O coaching ainda traz outros tantos benefícios:

– melhor desempenho e produtividade: podemos ter como o número um dos benefícios

– formação: tanto de quem passa por processo por aqueles que convivem com quem passou, pois se mantem em constante formação para se extrair o melhor das pessoas.

– mais tempo: se ganha tempo sendo organizado e planejado.

– ideias mais criativas: o coaching incentiva sugestões mais criativas.

– maior flexibilidade e adaptabilidade ás mudanças: a exigência de flexibilidade e agilidade será cada vez mais exigida, deixando só os resilientes e flexíveis terem chances.

– habilidade para a vida: como é uma atitude e um comportamento, ele é cada vez mais exigido até mesmo como uma habilidade.

O coaching não é uma panaceia que resolve todos os males e problemas do trabalho, vida pessoal ou do mundo, mas é bem mais do que uma ferramenta para ajudar executivos estressados ou um método de gestão melhor para  ser usado em uma variedade de situações, como planejamento, delegação ou solução de problemas.

Assim, com um panorama geral do que é coaching, encerramos este artigo.

Sérgio Albuquerque Jr

Master coach



Deixe uma resposta